quarta-feira, maio 18, 2022
InícioPlanaltinaPonto de Vista - DINHEIRO DO ASFALTO É POUCO

Ponto de Vista – DINHEIRO DO ASFALTO É POUCO

Viver em uma cidade planejada tem suas vantagens. As avenidas são largas, retas, permitindo uma série de melhorias como jardins, quiosques, iluminação em diferentes níveis, amplos estacionamentos, etc, etc. No entanto é preciso lembrar que, depois de tudo construído, é hora de fazer a manutenção e aí vê-se que o dinheiro disponível é pouco. São poucas a cidades como Planaltina, no que diz respeito a avenidas e ruas em geral.  As avenidas têm 50 metros de largura, enquanto (salvos os becos de acesso) as ruas têm 30 metros, o que deixa a cidade muito bonita mas, ao mesmo tempo, complicada e cara para a manutenção, devido as dificuldades financeiras. Agora mesmo, o governo do estado de Goiás disponibilizou montante superior a 5 milhões de reais para que se faça a recuperação de ruas e avenidas que, justamente por falta de recursos, encontram-se em situação ruim: esburacadas, sujas, mal cuidadas mesmo. Aí, vê-se que 5 milhões de reais, frente ao problema existente,  é uma quantia muito pequena. Explico. Nas condições em que se encontra o asfalto da cidade, o preço de sua recuperação efetiva, vai custar em torno de 15 reais (aproximadamente) o metro quadrado. Daí você pode calcular, sem maiores problemas a área que os 5 milhões e pouco de reais cobrirão. Aproximadamente 334 mil metros quadrados. Considerando que aquela avenida de frente ao CAIC tem 10 metros de largura e extensão de mil metros em direção ao Imigrantes, somente em uma pista serão consumidos 10 mil metros quadrados de asfalto, ao custo de 150 mil reais, se considerarmos as duas pistas, multiplicamos por 2 essa quantia e iremos gastar, aproximadamente, o total de 300 mil reais dos pouco mais de 5 milhões disponíveis. Sabemos que as avenidas de nossa cidade, inclusive aquelas que vão em direção à rodoviária, na Quadra 19 Norte, são pistas de, aproximadamente 2 kilômetros de comprimento com duas pistas de, aproximadamente 10 metros de largura cada uma. Daí, se considerarmos a pista que sai do Centro Norte, rumo ao Cemitério Campo da Redenção, teremos 2 mil metros por 10, que iguala a 200 mil metros quadrados de uma pista e mais outros 200 mil da outra, somando 400 mil metros quadrados. Assim, 400.000m2 X 15,00 é igual a 5 milhões e 400 mil reais, que, diga-se de passagem, é valor de todo o dinheiro que foi disponibilizado para Planaltina recuperar todo o asfalto. É preciso saber distribuir o dinheiro disponibilizado, sob pena de, findo o trabalho de recuperação, o cidadão planaltinense não se sentir contemplado com o benefício.

 

RELATED ARTICLES

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta

- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments

ANA C M S FIGUEREDO on DESTAQUE SOCIAL – Aninha Macedo –
Rock sem partido on O CARNAVAL FOI LIBERADO?
Terezinha on CORETO ABANDONADO
Terezinha on CORETO ABANDONADO
Edson Campelo de Amiranda on Ponto de Vista É PRECISO POLÍTICOS LOCAIS
Antonio de Pádua on Sobre
Antonio de Pádua on Sobre
Ceiça Nascimento on Sobre
LUCIANA FREITAS on Sobre
Tatiana Mourão on Sobre
admin on Sobre
Evando Meneses on Sobre