VEREADOR DENUNCIA INTENÇÃO DE GESTORES

O vereador planaltinense João Luiz Alves de Oliveira Junior, o popular Juninho (PROS),  denunciou em plenário e postou em suas redes sociais uma ação de dirigentes da PREVIPLAN – Instituto da Previdência dos Servidores Públicos de Planaltina – que vem causando alvoroço.

O vereador Juninho denunciou o que achou poderia ser um abuso dos gestores da Previdência.

“Imaginem os senhores, disse o vereador, que colocaram em ata para aprovarmos um serviço de arquiteto no valor de até 54 mil reais. Quando estranhei o valor e perguntei sobre o que seria, um assessor do prefeito Cristiomário, que faz parte do Conselho Previdenciário, me respondeu com ar de deboche que iriam construir uma sede para a PREVIPLAN e gastariam 7 milhões de reais da Previdência. E pior, disse ele “Os aposentados devem ser bem tratados”. Um abuso contra os servidores que dedicam suas vidas só município!”, Concluiu o parlamentar.

O vereador Lincon Albuquerque (Cidadania), da base do prefeito Delegado Cristiomário inquiriu de imediato ao vereador e a sessão tornou-se em debate, tendo inclusive o advogado do prefeito, Dr. Gilson indo buscar ao Pastor Ailton Siqueira,, presidente da PrREVIPLAN, para dizer que aquilo que fora afirmado pelo assessor e reverberado,  não aconteceria.

No entanto o  vereador Genival Fagundes (PL), disse que “a discussão foi providencial. Já vimos muitos crimes serem frustrados devido o serviço de vigilância. Não fosse a preocupação do vereador estariam trabalhando para construir uma obra gigantesca, desaparecendo com os recursos guardados a duras penas pelos servidores do município”.

 

 

Deixe uma resposta