POLÍCIA MILITAR SALVA MULHER DE INCÊNDIO

Segundo o morador, Lúcio, uma briga com sua mulher levou a companheira a, descontrolada, atear fogo na casa usando um botijão de gás e, não fosse a ação pronta e determinada dos policiais militares do Batalhão Nascente do Rio Maranhão, de Planaltina, certamente a mulher teria morrido dentro da casa carbonizada.

O fato ocorreu no passado dia 29 de julho, quando o cidadão Lúcio chegou correndo ao 21º BPM-GO, localizado a poucos metros de sua casa no Bairro Santa Rita, Setor Leste de Planaltina, pedindo socorro para o que seria um incêndio provocado por sua mulher em sua casa. Quando os policiais Cabo Domingos e Sd. Leonardo, destacados para a missão, foram até a residência do cidadão viram uma casa tomada pela fumaça e a certeza de que uma senhora, Divina das Dores Figueiró Silva, a esposa do senhor Lúcio estava dentro do imóvel. Imediatamente tomaram a iniciativa de adentrarem à residência. Entraram mas, a porta do quarto da senhora Divina estava fechada e trancada por dentro, obrigando os policiais a um arrombamento em meio a fogo e fumaça intensa. Os dois policiais passaram por um mau pedaço até alcançarem a mulher que tinha ateado fogo na casa e já desmaiara sobre a cama do casal. O CPU do dia, Sgt. Reginaldo e o Cabo Freire chegaram em apoio aos dois policiais da ação, que já tinham retirado a mulher, mas que ainda não retirara o botijão de gás, o que foi feito pelos apoiadores, debelando o perigo de uma explosão da casa que estava cheirando a gás de cozinha e pronta para ir para os ares.

O Cb. Domingos chegou a se sentir mal, precisando ser amparado, quando no Hospital Santa Rita de Cássia, os policiais levaram dona Divina, que inconsciente teve de ser internada, depois de ter recebido no local do acidente, os primeiros socorros.

A ação pronta dos policiais Sgt. Reginaldo, dos Cbs. Domingos e Freire e do Sd. Leonardo foi registrada na Ocorrência de RAI nº 7165084/2018, demonstrando mais um episódio de coragem da Polícia Militar de Goiás.

 

 

Deixe uma resposta