NOVA FACHADA NA MATRIZ DO DIVINO EM PLANALTINA

A frente da Matriz do Divino Espírito Santo, nota-se, falta a grande cruz por sobre a torre e neste mês de maio recebe as faixas com os dons do Divino.

A Igreja Matriz do Divino Espírito Santo, da paróquia de mesmo nome em Planaltina, congregada à Diocese de Formosa, torna-se a cada dia uma obra bonita aos olhos e uma referência no centro da cidade. Segundo observadores leigos é o maior templo físico entre todas as demais igrejas daquela Diocese, que abrange 22 municípios goianos, além de Formosa, ultrapassando, hoje, soma superior a 400 mil habitantes. A igreja de Planaltina, que tem mais de 15 anos sendo construída, está cada vez mais se embelezando e tornando-se em  espaço de orgulho para o católicos planaltinenses.

Três templos já foram derrubados até chegar neste projeto atual, sendo o primeiro uma pequena igreja, quase capela construída na década de 1970 pelos católicos, que aguardavam a chegada do Padre Francisco Rotier, a segunda, uma igreja construída pelo próprio Padre Francisco que liderou a paróquia por mais de 20 anos, a terceira, uma igreja que aproveitara o restante da construção antiga, onde levantou-se uma torre de gosto duvidoso, já administrada pelo Padre Moacir, o mesmo que iniciou a construção da atual Matriz. O Padre Moacir, é de conhecimento público, foi preso no ano passado, frente a acusação de abusos financeiros e outras mazelas, deixando a paróquia planaltinense em maus lençóis.

Agora, depois de curadas as feridas, o Padre Darci Neres da Rocha, 42 anos, novo pároco do Divino Espírito Santo, está concluíndo a obra que, vê-se pelas fotos, falta a grande cruz sobre a torre que, recebeu neste início de maio uma bonita imagem do Divino e por sobre a sacada cartazes com os dons atribuídos a Ele pelos católicos: Sabedoria, Entendimento, Conselho, Fortaleza, Ciência, Piedade e Temor de Deus.

É tradição da paróquia realizar as Festas do Divino Espírito Santo que ocorrem sempre no mês de maio, o que está sendo preparado pelos paroquianos de Planaltina. Outra novidade para a paróquia será a posse do novo bispo, Dom Adair José Guimarães, que deverá ser definitivamente sagrado Bispo da Diocese de Formosa pelo Papa Francisco, agora em junho, já que a Diocese está sob intervenção desde a ação da polícia no ano passado, que levou para a cadeia padres em Planaltina e até o bispo em Formosa.

As linhas arquitetônicas da nova Matriz do Divino Espírito Santo em Planaltina nos remete a uma pessoa com os braços abertos para um abraço, tendo os braços apostos sobre doze colunas, com a imagem do Divino colocada por sobre a fachada de entrada entre as colunas 6 e 7, tendo por sobre ela a pequena torre inspirada em linhas judaicas, que receberá a grande cruz. A obra deverá receber nova pintura e a colocação da cruz até maio do ano que vem, numa previsão otimista de católicos ligados à paróquia, quando estará concluída.

 

Deixe uma resposta