EXIGÊNCIAS DESNECESSÁRIAS?

Cartório do 1o. Ofício, o que recebe maiores críticas pelas exigências colocadas.

Os dois Cartórios existentes em Planaltina, o do 1o. Oficio, cujo Tabelião Titular é Gervásio Fernandes de Serra Júnior e o do 2o. Ofício Sérgio Pinto Boaventura estão, segundo vendedores e compradores de imóveis, especialmente o titular do Cartório de 1o. Ofício fazendo exigências absurdas para legalização de imóveis do município? “Além disso, as taxas de reconhecimento, de certidões e outros serviços cartoriais já arrecadam as taxas do judiciário de Goiás, muito altas para a realidade do município”, alegam.

Os corretores de imóveis e mesmo os compradores sentem-se inibidos, frente a relação de exigências expostas e depois os valores a serem recolhidos para conclusão das transações, isso estaria dificultando e mesmo inviabilizando grande parte dos negócios em Planaltina.

Deixe uma resposta