SINALIZAÇÃO É NECESSÁRIO

Semáforos desligados e o trânsito flui normalmente. Até agora, depois de 60 dias, nenhum acidente.

Dentre as iniciativas do governo do Delegado Cristiomário em Planaltina, destacam-se aquelas voltadas para o trânsito. A retirada dos semáforos, o início da pista de bike rumo à lagoa Formosa são duas destas iniciativas que, há de se convir, são princípios de projetos.

A ciclovia rumo à lagoa é um início de serviço promissor, que poderá, se concluído em tempo hábil, sustentar uma candidatura à reeleição dado o número de ciclistas existentes na cidade e número crescente, diga-se de passagem. Com esta obra calçada por serviços de limpeza urbana e recuperação de asfalto o candidato à reeleição tornar-se-ia quase imbatível.

A suspensão do serviço de semáforo tem chamado a atenção mais negativamente. No entanto com o passar dos meses e a indiscutível melhora na educação dos motoristas, a tendência é que tanto os pedestres quanto e especialmente os motoristas vejam que o trânsito flui melhor sem aquelas paradas não justificadas nos semáforos, já que o fluxo de veículos é pequeno para tanto.

Resta então o apoio para estas iniciativas, cobrando as conclusões das mesmas de forma rápida e definitiva, inclusive, apontando problemas que estas obras já estão causando ao trânsito. Pergunta-se: Cadê as faixas de pedestres da cidade? Os transeuntes que precisam concluir suas travessias onde existiram semáforos estão abandonados. Passar onde? Como? Se não existe faixa de passagem e as existentes estão em péssimo estado!? Cadê as placas informando quebra-molas? O visitante vai sair xingando e não voltará mais, devido o descuido das autoridades da área. E, por fim, não vale uma placa informando sobre o projeto da ciclovia?

Passar como se não existe faixa de pedestres?

Deixe uma resposta