SERVIDORES RECEBERÃO BONIFICAÇÃO

O prefeito Cristiomário e o presidente do Sindicato Joãozão se entenderam quanto a necessidade dos servidores.

Os servidores públicos municipais de Planaltina realizaram assembleia conduzida pelo sindicato da categoria, SINDIPLAG – Sindicato dos Servidores Públicos de Planaltina, Goiás na busca de conseguir reparação de perdas salariais. “Estamos vivendo este período difícil de pandemia e nós, servidores, trabalhado mais enquanto os salários estão congelados, explicou João Edson Carvalho, o Joãozão, presidente do Sindicato, ensejando uma forma de, pelo menos, minimizar estas perdas. É o que temos conversado com o prefeito”.

No último dia útil de julho, o Sindicato convocou assembleia para viabilizar negociação com o prefeito Cristiomário Medeiros, que recebeu uma comissão em seu gabinete.

Depois de conversas o prefeito propôs um Auxílio Alimentação de 200 reais para os servidores que estiverem recebendo menos de um salário mínimo nacional (R$1.100,00) e aceitou contra proposta do Sindicato para pagar a gratificação proposta para quem ganhar até 1.200 reais. Valor que será pago retroativo a agosto, “pois encaminharemos o pedido para a Câmara de Vereadores somente em setembro”, explicou o prefeito.

Assim o presidente Joãozão, acompanhado do prefeito Cristiomário anunciou para a assembleia que aguardava na porta da prefeitura, o resultado da negociação.

O presidente do SINDIPLAG agradeceu a presença do prefeito e explicou que era só a primeira negociação e que continuará buscando alcançar os benefícios devidos aos servidores.

“Então, disse Joãozão, aqueles servidores que ganham salário de até 1.200 reais receberão, a partir de setembro/outubro, retroativo a agosto, um Auxílio de mais 200 reais em seus contracheques, como forma de compensação salarial, sem nenhum desconto sobre este valor”, destacou.

A assembleia que contou com pouco mais de uma centena de servidores foi encerrada, trazendo beneficios para mais de quatrocentos deles, segundo cálculos não oficiais. O presidente não se esqueceu de pedir a aqueles servidores que não são filiados ao SINDIPLAG para filiaram-se como ” forma de fortalecer a instituição, dando-nos maior legitimidade nas discussões”, solicitou.

Joãozão, presidente do Sindicato aprova a proposta de 200 reais de auxílio a servidores que tenham salário de até 1.200 reais.

Deixe uma resposta