SINDIPLAG CONSEGUE AVANÇAR


Apesar do momento de real dificuldade por que passa a sociedade brasileira no que concerne a economia especialmente, o Sindicato dos Servidores Públicos de Planaltina, SINDIPLAG tendo João Edson Pereira de Carvalho, o Joãozão, a frente de uma diretoria muito ativa, tem conseguido realizar avanços em negociações com o executivo planaltinense.
Desde o início do ano, mais precisamente desde fevereiro, o prefeito Delegado Cristiomário vem pagando ao funcionalismo do município, fruto de negociações que culminaram em diversos acordos negociados pelo Sindicato, em reivindicações concluídas ainda com a prefeita Cida dos Santos e depois confirmadas pela atual administração, diversos direitos, já reconhecidos, que somam, aproximadamente, 15 milhões de reais, distribuídos entre todas as categorias funcionais e que deverão ser pagos, na sua totalidade até dezembro deste ano.


RENEGOCIAÇÃO

Em meados deste ano, mesmo com o recrudescimento da pandemia do Covid-19, o Sindiplag levou para a frente da prefeitura um significativo número de servidores, cumprindo com rigor as normas sanitárias para mostrar ao prefeito que vários funcionários estavam amargando grave injustiça, recebendo salários menores do que, o salário minimo, ensejando uma correção imediata.
O prefeito Cristiomário, depois de receber uma comissão sindical formada pelo presidente Joãozão, a advogada Leila Elias, outros dirigentes e jornalistas presentes concordou com a reivindicação e ofereceu uma saída para o impasse através do que chamou de Auxílio Alimentação – AA – de 200 reais, acrescidos nos salários base de até 1.200 reais. O acordo foi fechado com o prefeito indo até onde estavam os manifestantes, quando o presidente Joãozão anunciou a boa nova, ou seja, que o Auxílio Alimentação começaria a ser pago a partir de agosto deste ano.
A mobilização foi desfeita e o Sindiplag, antes do primeiro pagamento foi surpreendido pelo Departamento Jurídico da prefeitura apresentando a Lei 173/2020 como impedimento de conclusão do acordo. No entanto, dizia o prefeito que cumpriria o prometido a partir de janeiro de 2022, o que foi acordado, de novo, com o prefeito Cristiomário.
“A nova proposta negociada com o prefeito, é a seguinte, explicou João Carvalho a nossa reportagem: a partir de janeiro de 2022 os salários base de até 1.200 reais receberão AA de 400 reais a partir de janeiro, indo até o mês de maio. A partir daí o AA volta-se para os 200 reais combinados. Isto, como forma de recuperar estes cinco meses de 2021 que, apesar de combinado, não foram pagos”, concluiu o Presidente.

Diretoria do Sindiplag reúne-se diariamente para manter-se atualizada e pronta para reivindicar direitos.

Deixe uma resposta