domingo, maio 22, 2022
InícioDestaqueDF investe em técnica e exporta carne suína

DF investe em técnica e exporta carne suína

Parceria entre granjas e governo aumenta segurança na produção com mais fiscalização e rebanho 100% saudável

“Uma portaria de 2020 estabeleceu regras de biossegurança na produção de suínos e tem por objetivo manter esta certificação”, explica a subsecretária de Defesa Agropecuária, Danielle Araújo

Já de olho no mercado externo, os suinocultores do Distrito Federal investem na melhoria das técnicas de produção. O avanço na qualidade da suinocultura do Distrito Federal coloca a região num patamar favorável à exportação da carne de porco. Atualmente, além do mercado local, a produção distrital é vendida para os estados de São Paulo, Goiás e Bahia. É um total de 200 mil animais em 28 granjas, todas elas automatizadas e frequentemente fiscalizadas pela Secretaria de Estado de Agricultura do Distrito Federal (Seagri-DF).

O consumo de carne suína representa um aumento de 13,5% em 2021 em comparação com 2020. Além de ser mais barato, os suinocultores  se empenham em mostrar para os consumidores que o alimento é saudável | Foto: Tony Oliveira / Agência Brasília

“É um trabalho de parceria entre governo e criadores de suínos”, explica a subsecretária de Defesa Agropecuária, Danielle Araújo. Segundo ela, a Seagri realiza fiscalizações de rotina em que são avaliados itens como o bem-estar animal no manejo e no abate, doenças dos animais, armazenamento da ração, controle de roedores nas granjas, entre outras coisas.

De acordo com Danielle, o órgão se prepara para iniciar neste ano um inquérito (levantamento) detalhado da produção em todas as granjas de suínos do DF, desde as grandes até as pequenas. Outro ponto positivo para a região é ser uma zona livre de peste suína. O feito é, segundo a subsecretária, resultado de uma política iniciada em 2020.

“Nós, produtores do DF, vamos a escolas de gastronomia para explicar que a carne suína não é nociva a mulheres grávidas e pessoas idosas e que é saudável. Buscamos mudar essa cultura”, explicou o gestor executivo da DF Suínos, Douglas Rocha

“Uma portaria de 2020 estabeleceu regras de biossegurança na produção de suínos e tem por objetivo manter esta certificação”, explica Danielle. “Medidas rigorosas são tomadas para evitar a entrada e propagação de doenças no rebanho. Os abatedouros do DF são diferenciados”, completa.

A gestora ainda ressalta a rigorosa fiscalização, que acontece de forma periódica, para impedir a entrada de carne clandestina na cidade.

Consumo aumenta

De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), houve no país um aumento de 13,5% no consumo de carne suína em 2021 em comparação a 2020. O gestor executivo da DF Suínos, Douglas Rocha, afirma que a contagem desse aumento é feita com relação às vendas de todo o Brasil.

Douglas lembra que alguns fatores econômicos contribuíram para o aumento do consumo de carne suína no Brasil e em Brasília. O primeiro deles é o preço alto da carne bovina. O segundo trata da mudança na crença que algumas pessoas têm de que carne de porco causa danos à saúde e, por isso, não deve ser consumida por quem enfrenta uma doença ou busca uma dieta saudável.

 

“Nós, produtores do DF, vamos a escolas de gastronomia para explicar que a carne suína não é nociva a mulheres grávidas e pessoas idosas e que é saudável. Buscamos mudar essa cultura”, explicou Douglas.

Os suinocultores esperam no próximo ano conseguir a redução do custo de produção, em especial dos alimentos dos animais (milho e soja), intensificar a qualidade da produção local e aumentar o consumo, que hoje é de 16 quilos por pessoa a cada ano.

RELATED ARTICLES

Deixe uma resposta

- Advertisment -

Most Popular

Recent Comments

ANA C M S FIGUEREDO on DESTAQUE SOCIAL – Aninha Macedo –
Rock sem partido on O CARNAVAL FOI LIBERADO?
Terezinha on CORETO ABANDONADO
Terezinha on CORETO ABANDONADO
Edson Campelo de Amiranda on Ponto de Vista É PRECISO POLÍTICOS LOCAIS
Antonio de Pádua on Sobre
Antonio de Pádua on Sobre
Ceiça Nascimento on Sobre
LUCIANA FREITAS on Sobre
Tatiana Mourão on Sobre
admin on Sobre
Evando Meneses on Sobre