JOÃOZÃO DESISTE. DELEGADO PODERÁ SER CANDIDATO?

O quadro de candidatos a prefeito que era composto de cinco nomes (André Luiz, Eles Reis, João de Abides, João Edson e Vilmar Popular) já sofreu uma baixa significativa e poderá, até o dia 13, data final para alterações em chapas que pediram registro, sofrer outros reveses. João Edson Pereira de Carvalho, o Joãozão (PROS), desistiu de concorrer à cadeira do executivo planaltinense. deixando a impressão de que a derrota dos candidatos: a deputado estadual Almirando e deputado federal Pastora Cida, mostrou a fragilidade da sigla em Planaltina. Observadores e mesmo assessores de campanha do prefeito interino Pastor André, dizem que o caminho do PROS é apoiar o Pastor, já que Reis é adversário escolhido pelo partido desde quando Reis assumiu na vacância de Zé Neto. Outra mudança que poderá ocorrer é a desistência de Vilmar Popular que, mesmo no decorrer da campanha nacional, deixou de apoiar sua irmã Lúcia Caitano em detrimento de apoiar ao Delegado Cristiomário. Este, Cristiomário, segundo especulações, seria a partir do dia 13/10 o candidato a prefeito do grupo, tendo Lúcia como sua vice. Por enquanto é tudo especulação, mas o caminho está aberto para isso, bastando a legislação permitir..

Deixe uma resposta